Esta receita é tradicional no Oriente.

E é ótima para a saúde.

Seu principal ingrediente é a supermedicinal berinjela.

Muitos estudos já comprovaram que a berinjela faz o colesterol despencar.

Essas mesmas pesquisas provaram que o consumo deste legume (a rigor, a berinjela é fruto) também reduz as taxas de triglicérides e ácido úrico – afastando, portanto, as chances de desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Os benefícios da berinjela vão além da redução do colesterol e da prevenção das doenças do coração.

Uma substância presente  na berinjela, a niacina, contribui intensamente para o emagrecimento.

Além disso, há as fibras, que são responsáveis por proporcionar uma sensação de saciedade e ainda auxiliam na redução da absorção intestinal da gordura.

E, para você que quer "exterminar" a barriguinha, olha esta notícia: uma pesquisa feita pelo Departamento de Nutrição e Dietética da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) constatou que houve uma redução significativa na circunferência da cintura (ou seja, a gordurinha abdominal) do grupo que incluiu a berinjela na dieta.

Como se não bastasse, esse grupo ainda viu o índice de massa corporal (IMC) baixar e o percentual de massa magra subir.

Viu por que a pasta de berinjela só tem coisa boa?

Quer aprender a receita?

Lá vai...

INGREDIENTES

2 berinjelas médias (700 gramas)

5 colheres (sopa) de tahine (A receita está abaixo)

4 colheres (sopa) de suco de limão

2 colheres (chá) de sal

2 dentes de alho amassados

1/3 de xícara de água

Azeite e salsinha a gosto

MODO DE PREPARO

Coloque as berinjelas com casca sobre a chama do fogão, em fogo baixo.

Grelhe as berinjelas, virando-as de vez em quando, até que fiquem bem macias e soltem a casca com facilidade (a casca fica bem queimada).

Deixe-as esfriar.

pasta_de_berinjela.jpg

Corte-as ao meio com uma colher, retire a polpa das berinjelas e deixe escorrer numa peneira por 5 minutos até soltar todo líquido.

Amasse a polpa com um garfo até formar um purê.

Acrescente o tahine, o limão, o sal e o alho.

Misture bem.

Ponha a pasta em um prato ou travessa, regue-a com o azeite e polvilhe com a salsinha.

Use esta pasta para rechear sanduíche e canapés e enriquecer pratos como saladas, risotos e macarronadas.

Como fazer tahine

Lave bem uma boa quantidade de gergelim (em média 200 gramas).

Escorra numa peneira e pise no pilão ou bata no liquidificador.

Se usar o liquidificador, bata uma pequena quantidade de cada vez (para não queimar o motor).

Quando a pasta grudar nas lâminas, desligue, mexa com o cabo de uma colher de pau ou plástico e bata mais um pouco.

Faça isso até virar um creme, que deve ser retirado e reservado.

Coloque mais um pouco de gergelim e repita o processo até acabarem os grãos.

O processo é lento.

Por isso, é recomendável colocar água e azeite de oliva até conseguir liquidificar.

No fim, acrescente um pouco de sal.

Em lojas de produtos naturais, você encontra o tahine pronto.

Se preferir este industrializado, leia o rótulo para ver se não colocam algo além de gergelim e sal.

O tahine feito com gergelim com pele fica um pouco amargo.

Mas não incomoda.

E tem a vantagem de ser mais rico em nutrientes que o feito sem pele.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Imagens vistas recentemente

Entre em contato

Queremos receber sua opinião

Se você tem uma crítica, sugestão ou quer nos indicar uma receita/tratamento caseiro, entre em contato conosco

curapelanaturezablog@gmail.com

Continue conectado

Esclarecimento

Este blog tem a finalidade de ajudar, mas não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.