Sabe quando de repente sentimos desejo por uma comida doce?

Isso pode ser um sinal.

Saiba identificar as necessidades do seu corpo e como saciá-las sem causar prejuízos à saúde:

1. Desejo por gordura

Se acordar com vontade de consumir gordura, não corra para a primeira camada gorda de picanha.

Gorduras saudáveis, como azeite de oliva extravirgem, óleo de coco extravirgem, abacate, manteiga, óleo de peixe, são sempre a melhor opção.

2. Desejos por sal

Isso significa que seu organismo precisa de cloreto.

É possível também que você esteja sofrendo grande estresse.

Neste caso, o corpo realmente pede mais sódio.

Mas fuja do sal refinado!

Atenda ao pedido escolhendo um sal de qualidade, como o do Himalaia.

3. Desejos por açúcar

O açúcar (glicose) é a principal fonte de energia do corpo e é necessário para estimular a produção de energia celular.

Quando a ingestão não é suficiente, o corpo começa o processo inflamatório de quebrar a gordura e proteínas para produzir glicose.

Portanto, frutas, raízes e vegetais são as melhores escolhas, juntamente com mel e xarope de bordo.

Mas sem exagerar, OK?

4. Desejo por chocolate

O desejo por chocolate pode ser devido à necessidade de cobre, mas é mais provável que seja de magnésio.

Se você quiser ter certeza sobre seus níveis de cobre e magnésio, peça ao seu médico ou nutricionista exames para ter a resposta precisa.

O magnésio é perdido quando estamos sob estresse.

Por isso é muito comum ter a carência desse composto numa sociedade como a nossa.

Coma chocolate escuro e procure outras fontes de magnésio, como abacate e sementes de abóbora.

CURA PELA NATUREZA - LEIA AQUI AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS

5. Desejo por alimentos ácidos

Se você gosta de alimentos ácidos, talvez você tenha pouca acidez no estômago.

O ácido estomacal serve desinfetar o estômago e digerir os alimentos (particularmente as proteínas).

Quando o ácido do estômago não está equilibrado, sofremos com vários distúrbios digestivos, alergias e deficiências nutricionais.

6.  Desejo por carne vermelha

Esse tipo de desejo pode indicar baixo teor de ferro, zinco ou aminoácidos (os blocos de construção de proteínas).

É possível também que, se você consome carne regularmente, mas mesmo assim tem grande desejo por esse tipo de comida, o alimento não esteja sendo bem digerido.

A má digestão é um sintoma comum de um metabolismo lento.

Se o seu problema for o inverso – rejeição por carne vermelha – é bom fazer um exame para checar seus níveis de ferro.

O excesso desse composto pode ser a causa de rejeição.

Fonte: Catherine Crow, terapeuta nutricional e pesquisadora dietética

Este blog de notícias sobre tratamentos naturais não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

TV Cura pela Natureza - assista agora




Imagens vistas recentemente

Entre em contato

Queremos receber sua opinião

Se você tem uma crítica, sugestão ou quer nos indicar uma receita/tratamento caseiro, entre em contato conosco

curapelanaturezablog@gmail.com

Continue conectado

Esclarecimento

Este blog tem a finalidade de ajudar, mas não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.